segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

TRÁFICO HUMANO NO INTERIOR DO AMAZONAS!

  As duas adolescentes de 13 anos que foram supostamente aliciadas por uma rede de tráfico de pessoas para fins sexuais, denominado grupo “Fênix”, seriam levadas para um município em Rondônia. Apenas neste mês foram registrados mais de 20 casos de desaparecimento de crianças e adolescentes no Conselho Tutelar de Iranduba (a 25 quilômetros de Manaus)
Sobre o caso, o delegado da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (31ª DIP) de Iranduba, José Elcy Barroso Braga, informou nesta quinta-feira (25), que as vítimas foram submetidas a exame de conjunção carnal no Instituto Médico Legal (IML), cujo laudo dará prosseguimento ao processo.
José Elcy acredita que nos próximos dias o caso será esclarecido. Segundo ele, a polícia também investiga a participação de outros suspeitos. Adriano Santos de Andrade, 18, conhecido como “Doidera”, suspeito de envolvimento no esquema de tráfico de pessoas no município de Iranduba está preso.

Leia mais: 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...